WhatsApp Image CEST

CEST Paralisado

A universidade do Estado do Amazonas se gaba por ser a maior universidade multicampi. Entretanto, a precarização tem sido a regra para o campus de Tefé, e atinge todas as áreas do ensino, pesquisa e extensão, prejudicando docentes, funcionários, discentes e toda a sociedade Tefeense e do médio Solimões.

As demandas são antigas, básicas e necessárias para se ter o mínimo de qualidade. Tais condições têm se agravado a cada ano e repercutido negativamente no conceito dos cursos do ENADE.

A comunidade docente não aguenta mais a situação precária e esta paralisada para exigir:

  1. Concurso público imediato para docentes, técnicos e funcionários
  2. Repasse imediato dos recursos obra de ampliação de CEST e sua conclusão em 2017
  3. Revisão imediata do aumento da carga horária de aulas por professor.

Não queremos mais promessas! Queremos mais ação que prove que a Reitoria da Universidade e o governo do Estado realmente estão comprometidos com uma universidade multicampi.

#todospeloCEST