mobilização (1)

Mobilização do dia 10 de Novembro de 2017

10 de Novembro – Dia Nacional de Lutas, Paralisação e Greve. Em Manaus, o Dia será de Mobilização

Os professores, alunos e servidores da UEA – Universidade do Estado do Amazonas realizam nesta sexta-feira, dia 10 de novembro – Dia Nacional de Lutas, Paralisação e Greve – uma tarde inteira de mobilização em torno dos temas “Orçamento, Financiamento e Transparência na Gestão dos Recursos”, que hoje implicam na manutenção e crescimento da Universidade. Além de um Seminário que vai discutir esses três assuntos, os professores fazem exposição fotográfica sobre a situação da obra da Cidade Universitária e campanha publicitária expondo o abandono e a falta de transparência com o dinheiro público empregado na obra.
A programação faz parte do Dia Nacional de Lutas, Paralisação e Greve, data que marca a luta de diversas categorias de trabalhadores dos setores público e privado, em defesa dos direitos sociais. O evento acontece um dia antes da entrada em vigor da Reforma Trabalhista. No Amazonas, representados pelo Sindicato dos Docentes da Universidade do Estado do Amazonas SIND-UEA, os professores da UEA aderiram ao movimento, mas decidiram fazer mobilização ao invés de paralisação das atividades.
Segundo Gimima Silva, presidente do SIND-UEA, a programação atende à deliberação definida em Assembléia Geral da entidade, realizada no dia 17 de outubro de 2017, quando a categoria decidiu aderir ao dia Nacional de Lutas, inclusive por ser Seção Sindical do ANDES. “A orientação era que cada seção sindical se mobilizasse em torno de suas pautas específicas, além das pautas nacionais que dizem respeito ao posicionamento contrário às reformas em curso no âmbito do Congresso Nacional, como a Reforma Trabalhista e a Reforma da Previdência”, explicou a presidente.
Nas demais universidades públicas municipais, estaduais e federais haverá paralisações, atos e panfletagens, com a participação de estudantes e técnico-administrativos.
A principal programação da Data (10/11), em Manaus, será a realização do Seminário “Orçamento, Financiamento e Transparência na Gestão de Recursos da UEA”, no auditório anexo da Escola Normal Superior (Cidade dos Carros), no período das 13 às 16h. O Seminário terá dois painéis que vão discutir: “Os dados sobre o PIM e o Financiamento da UEA” – obtidos no Portal da Transparência e nos Relatórios de Gestão da UEA acerca dos destaques orçamentários – e a Mesa Redonda “Transparência na Gestão dos Recursos destinados à UEA e à Cidade Universitária”.
A exposição dos dados será feita por membros do SIND-UEA. Da Mesa Redonda participam parlamentares da ALE- Assembléia Legislativa do Estado do Amazonas convidados, que vão debater e interagir com a platéia. Os deputados convidados são: Alessandra Campelo (PMDB), Dermilson Chagas (PEN), José Ricardo (PT), Luiz Castro (Rede), Davi Almeida (PSD) e Serafim Corrêa (PSB).
O Seminário, na avaliação de Gimima Silva, é de interesse de todos que querem ser esclarecidos acerca da real situação financeira da UEA. “São várias as perdas que a categoria dos docentes tem acumulado nos anos de governos anteriores e que são justificadas sempre por uma suposta “frágil situação orçamentária” atribuída à UEA. Então é salutar discutirmos isso”, disse, convidando toda a comunidade acadêmica e a sociedade como um todo a participar do evento. Após o Seminário, os participantes seguem para o Ato Público Unificado, no Centro da cidade.
A exposição fotográfica das obras da Cidade Universitária será itinerante e vai apresentar oito fotografias do local, demonstrando o abandono, o desperdício de dinheiro público e a falta de transparência no uso dos recursos públicos. Ela começa no hall da Escola Normal Superior onde permanece durante três dias e depois segue para as outras unidades de ensino da UEA.
Programação de Mobilização SIND-UEA